quarta-feira, 11 de novembro de 2015

X-Factor Vol 3 8 e 9 - Agosto e Setembro/2006



EDIÇÃO ANTERIORARCO / ANOPRÓXIMA EDIÇÃO
06 - MODERN AGE /
<Guerra Civil>
2006
Thunderbolts 103

O reaparecimento de um dos personagens mais perigosos dessa fase da Marvel acontece justo no meio da tumultuada organização de Jamie Madrox. A cidade dos ex-mutantes é um prato cheio para quem tem a capacidade de tentar recuperar poderes.



Layla Miller estava sentada à frente do escritório do X-Factor e vê Mercúrio se aproximando. Procurado desde o Dia X, Pietro foi exposto à névoa de terrigeno e passou a recuperar os poderes dos mutantes que tiveram seus dons arrancados. Mas raramente a ação alcançava os resultados esperados, pois sempre havia um efeito colateral danoso. Ele tenta entrar no prédio, mas Layla faz com que ele seja perseguido por transeuntes que passavam ali naquele momento.



Jamie Madrox e Fortão saem do escritório e vão até um laboratório onde estavam sendo analisadas as amostras de DNA que o líder do X-Factor conseguiu dos Tryp. O responsável pelas análises afirma que aquelas amostras eram de algo novo, não humano e não mutante. Para ficar ainda mais incrível, as duas amostras, de pai e filho, eram como se fossem de uma mesma pessoa.



Incomodados com as acusações sobre mentiras ditas pelos heróis, Siryn usa seus poderes de persuasão para abordar o Homem Aranha. Usando sua voz encantadora, ela o convence a contar tudo sobre a Dizimação. Agora, a turma dos X-Factor saberia da verdade.



As discussões sobre a Lei de Registro chegavam ao local e uma duplicata de Madrox que trabalhava para a SHIELD aparece no escritório para iniciar o processo de identificação do grupo. Enquanto isso, do lado de fora, Layla via que Mercúrio acabou devolvendo o poder de voar de um dos transeuntes que o perseguiam, mas agora o rapaz não conseguia mais aterrissar, até que ele começa a perceber seu corpo derretendo.



Layla e Mercúrio se estranham e o Maximoff ameaça a garota para que ela não se meta nos assuntos dele. Ele entra no escritório bem no momento que os membros do grupo chegavam de suas missões. As cartas são jogadas na mesa e todos passam a saber a verdade sobre tudo, além de causar uma belíssima discussão generalizada.



Madrox não consegue se decidir sobre o que fazer com Mercúrio e com a Lei de Registro quando todos os outros pedem sua orientação. Ele sai do escritório e é orientado por Layla para seguir em uma certa direção, onde encontraria algumas respostas. O líder do X-Factor sabe que a garota sabia de coisas e ela ainda coloca mais uma pitada de tempero na conversa dizendo que eles dois se casariam no futuro.




No caminho sugerido por Layla, Madrox encontra um ex-membro dos Novos Guerreiros, Aegis, sendo perseguido pela SHIELD por não querer se registrar. Ele ajuda o fugitivo a escapar da agência anti-terrorismo para procurar o Capitão América, que andava escondido, e é convencido sobre o quanto era opressiva aquela medida.




Ao voltar para o escritório do X-Factor, Madrox encontra Ciclope e os X-Men buscando por Pietro Maximoff. Sentindo-se traído, Madrox afirma que não gostou de ter ficado sem informações e a discussão recomeça. Siryn deixa Colossus atordoado com seus gritos e Ciclope ataca Madrox com uma rajada ótica, mas Madrox usa a energia para criar várias duplicatas e ameaçar os X-Men, dizendo que contaria tudo ao público e que eles seriam contra a Lei de Registro, além de oferecerem abrigo para quem também não concordasse com a medida e se sentisse ameaçado.




Ciclope pede que os X-Men recuem e deixa Madrox cuidando de Mercúrio, mas afirma que se o velocista sair da cidade mutante, será preso sem clemência.




Apesar do recuo dos X-men, fica uma sensação estranha sobre toda a situação criada. Quem realmente ganhou com aquilo tudo? A pergunta fica no ar.




http://marvel.wikia.com/wiki/X-Factor_Vol_3_8

http://marvel.wikia.com/wiki/X-Factor_Vol_3_9


Publicada no Brasil
Wolverine n° 33 e 34 - Panini

0 comentários :

Postar um comentário

Os comentários são moderados.