sexta-feira, 9 de outubro de 2015

X-Men Vol 2 182 a 187 - O Sangue de Apocalipse - Abril a Agosto/2006


EDIÇÃO ANTERIORARCO / ANOPRÓXIMA EDIÇÃO
06 - MODERN AGE / 2006Novos Vingadores 16 a 20 -
O Coletivo

A revista dos X-Men que trazia diversas frentes de acontecimentos converge tudo para um único foco central: o retorno de Apocalipse. Disposta a dizimar a raça humana mais uma vez, principalmente depois do grande colapso dos poderes mutantes, ele desenvolve novos cavaleiros do apocalipse, dessa vez usando mutantes e ex-mutantes surpreendentes.




Gazer estava flutuando pelo espaço aguardando a morte mas acaba sendo encontrado por Apocalipse e é forçado a lutar com o explorador que encontrou o messias mutante no Egito. O vencedor seria transformado em Guerra, uma nova versão do cavaleiro do apocalipse. O explorador quase vence a batalha, mas o capataz de Apocalipse, Ozymandias, intervém e mata o humano, deixando o ex-mutante ser declarado vencedor, e avisa que Gazer lhe deve um favor.



Enquanto Gazer é contaminado com doenças, pestes e bactérias, Apocalipse recruta mais um ex-mutante para sua trupe terrorista. Solaris, que andava moribundo após perder seus poderes e suas pernas, recebe a oferta forçada e a promessa de ter de volta tudo o que perdeu fisicamente.



Solaris aceita a oferta, mas logo se arrepende e tenta escapar nocauteando Ozymandias, mas quando tentava escapar rastejando pelos corredores da esfinge de Apocalipse, ouve os gritos de Gazer sendo transformado e decide tenta libertar a criatura, porém o ex-mutante já estava transformado em Guerra e Solaris acaba sendo recapturado e sua transformação em Fome, outro cavaleiro do apocalipse, também começa a acontecer.



No Instituto Xavier, o plano de Mística começa a dar certo. Ela vê sua filha adotiva Vampira se aproximar de Pulso, que tinha poderes de bloquear poderes de outro mutante e aproveita para provocar Gambit, dizendo que seu namoro com Vampira impedia a garota de ser feliz. Vampira e Pulso podiam se tocar, coisa que não poderia acontecer com mais nenhum outro ser.



Para surpresa de todos, Destrutor retorna para a mansão Xavier e diz que perdeu Polaris, o que deixa o Homem de Gelo enfurecido, mas a discussão é interrompida pela chegada da esfinge de Apocalipse sobre o local, o que desperta o sentimento de perigo em Destrutor, que já havia visto aquela cena antes.



Apocalipse oferece aos X-Men e todos os 198 mutantes refugiados a esperança e a salvação para a situação que eles estavam vivendo. Enquanto Ciclope sai em busca dos demais X-Men, Destrutor tenta conter a situação com alguns dos 198 que consideravam a oferta interessante, e Valerie Cooper inicia os comandos para a ação do Esquadrão Sentinela.



Solaris, transformado em Fome, ataca os mutantes no Instituto, deixando-os famintos e desesperados. Apocalipse mostra a Ozymandias um elixir que seria oferecido aos mutantes que quisessem se juntar a sua causa. Os humanos que controlavam os Sentinelas também se desesperam de fome e são atacados por Guerra enquanto alguns mutantes tomavam o elixir que era um composto do sangue de Apocalipse, dentre eles Gambit, que vivia uma situação absolutamente desconfortável.



Gambit afirma que na verdade queria ficar de olho em Apocalipse e quer passar pelo processo de transformação, mas quando ele se torna Morte, mais um cavaleiro do apocalipse, pouco resta do francês original.



Enquanto Vampira ataca o cavaleiro Fome e descobre que se trata de Solaris, os demais X-Men tentam conter o perigo dos demais 198 que aparentavam fomentar a desordem, ainda mais depois que os Sentinelas deixaram de funcionar.



Ozymandias fica impaciente com Apocalipse por não querer libertar outro de seus cavaleiros, dessa vez o Peste. De forma truculenta, Apocalipse reage à insubordinação e Ozimandias pede que Gazer retribua o favor que deve por ainda estar vivo, porém Gazer não existia mais naquele corpo e Guerra avisa Apocalipse.



Enquanto Apocalipse esperava, os X-Men tentam planejar o contra ataque e perguntam à Pulso se ele poderia anular os poderes do vilão egipcio. Pulso diz que tem medo, mas os X-Men encontram Ozimandias fora da esfinge. O assecla de Apocalipse se oferece para levar os X-Men para dentro da esfinge e atacar o vilão e um time é formado com Homem de Gelo, Destrutor, Vampira, Pulso e Bling.



Eles desconfiam que tinha o dedo dos Celestiais naquela história toda e descobrem que alguns dos 198 estavam apoiando Apocalipse. A surpresa maior é causada pelo vilão, ao apresentar seu mais novo cavaleiro: Morte, conhecido pelos mutantes como Gambit.



A pancadaria começa e Apocalipse acaba sendo atingido, sendo que o compartimento que guardava seu sangue - que servia de cura para os males causados pelos cavaleiros - acaba quebrando e tudo se estraga. Apocalipse tenta fugir levando sua esfinge para algum outro lugar, mas os X-Men conseguem sair do local à tempo.



Emma Frost e o Fera tentam recuperar Solaris e são atacados por Guerra, que tentava resgatar o outro cavaleiro, porém Solaris consegue agir e defender os X-Men.



Apocalipse chega à uma reunião da ONU e anuncia que os humanos deveriam exterminar 90% de sua raça, para equivaler à perda sofrida pelos mutantes. Caso isso não ocorresse, ele liberaria suas pragas sobre o mundo todo. Ao assistir a ameaça, Val Cooper tem que iniciar um protocolo e reativar dois novos tipos de Sentinelas.



Dentro da esfinge, Apocalipse finalmente revela quem era o cavaleiro Peste. Tratava-se da desaparecida Polaris, que havia sido abduzida por Apocalipse junto com a Rainha Leprosa e Doop alguntem antes. Forçada a agir daquela forma por não ter mais seus poderes, Lorna se deixa transformar no cavaleiro Peste, pois a Rainha Leprosa também queria muito ter aqueles poderes para destruir os X-Men.



A ameaça mundial toma proporções enormes e os Vingadores são acionados para agir contra Apocalipse. Além deles, diversos outos X-Men se engajam na batalha para conter a Peste, junto com as novas Sentinelas. Os heróis reunidos conseguem derrubar a esfinge e os X-Men invadem o local e lutam com os cavaleiros, Porém, quem ataca sorrateiramente é Ozimandias, que mata o Guerra.




Solaris se recupera e fica sabendo da ameaça de Apocalipse, partindo imediatamente para se juntar ao confronto. Pulso consegue anular os poderes de Apocalipse justamente quando Solaris chega e ataca seu antigo mestre e foge com Morte.



Apocalipse escapa e se esconde nos corredores sinuosos da esfinge e deixa uma armadilha de auto-destruição ativada antes de fugir para o espaço, mas os mutantes conseguem abandonar o local.



Wolverine encontra Polaris semi-desacordada e a leva para os X-Men. Mesmo sabendo dos riscos de contaminação, Destrutor dá um sopro de vida na moça e salva sua ex-companheira, que acaba sendo tratada por Emma Frost após o fim do tumulto. Vampira e Pulso se entendem e andam de mãos dadas, imaginando por que e para onde Solaris levou Gambit / Morte.



Solaris levou Gambit para um templo zen no Japão e tentava convencê-lo de que eram o começo de uma nova raça e precisavam trazer para junto deles a Polaris, que estava sendo tratada pelos X-Men.


Emma Frost e o Fera descobrem que os poderes que estavam com Polaris não eram típicos de mutantes e tinham origem diferente. Solaris e Gambit invadem a casa e pedem para levar a outra ex-cavaleira, mas são impedidos pelos X-Men, apesar da Vampira não querer machucar Gambit.


Polaris desperta, rechaça Solaris e Gambit dizendo que não pertencia mais a nenhum grupo, e os dois vão embora. Polaris também decide partir sozinha para poder entender seus novos poderes.


Um dos últimos pedaços da história mostra Apocalipse longe, lembrando-se de um encontro com os Celestiais antes de toda essa passagem. Em débito com a raça de seres especiais, Apocalipse não poderia morrer pois ainda precisaria cumprir uma missão...



... e Solaris e Gambit encontram com um novo ser sinistro.


Uma longa história que acaba sendo um pouco prejudicada pela qualidade dos desenhos de Salvador Larroca. O visual é estranho e as cenas não demonstram a empolgação que a ação necessitaria.



Como sempre destacamos os pequenos erros, dessa vez as novas Sentinelas foram apresentadas com os nomes de Crazy Train e War Machine, mas anteriormente haviam sido citadas como sendo Crazy Horse e Monster...




... e há também uma troca de balões em um diálogo entre a Vampira e Pulso.


*Por sempre apresentar uma pequena parte da aventura como uma mini história em todas essas edições, a ordem cronológica mais adequada para leitura é X 182 (1 - 19), X 182/2, X 183/2, X 182 (20 - 22), X 183, X 184/2, X 184, X 185,  X 185/2 (considerar como flashback), X 186, X 186/2, X 187

http://marvel.wikia.com/wiki/X-Men_Vol_2_182

http://marvel.wikia.com/wiki/X-Men_Vol_2_183
http://marvel.wikia.com/wiki/X-Men_Vol_2_184
http://marvel.wikia.com/wiki/X-Men_Vol_2_185
http://marvel.wikia.com/wiki/X-Men_Vol_2_186
http://marvel.wikia.com/wiki/X-Men_Vol_2_187



Publicada no Brasil
X-Men n° 65 a 68 - Panini

0 comentários :

Postar um comentário

Os comentários são moderados.