segunda-feira, 4 de maio de 2015

X-Men Vol 1 40 - Janeiro/1968



EDIÇÃO ANTERIORARCO / ANOPRÓXIMA EDIÇÃO
03 - SILVER AGE / 1968Avengers 50

Desenterre um monstro do passado e o coloque para lutar contra os jovens heróis mutantes. Um enredo fácil de desenvolver, mas que acaba se tornando fraco. O conhecido Frankenstein é o oponente dos X-Men.




Enquanto os X-Men treinavam e curtiam um pouco da gloria após derrotarem o Fator Três...



... ate que Charles convoca todos para contar que detectou informações mencionando que o conhecido Frankenstein havia sido encontrado no gelo do ártico (o que realmente se interliga com o clássico livro de Mary Shelly). Congelado, o monstro é levado até o museu de Nova Iorque e os exploradores pretendem estudar a criatura.



Xavier conta que considerava a história contada nos livros bastante real e que Frank poderia ter sido criado por um mutante. Temeroso com a descoberta, Charles vai com sua galera até o museu, mas eles chegam tarde demais, pois o ser havia sido descongelado e já vagava solto por lá.



Frankenstein se revela muito poderoso, aguentando todas as ofensivas do grupo e até soltando rajadas oculares semelhantes às do Ciclope. Frank segue para as docas e se esconde em um navio, mas o Anjo acompanhava a ameaça pelo alto e chama seus colegas.



Os heróis invadem o navio contando com a manipulação mental do professor, que lidava com os tripulantes da embarcação, e enfrentam outra vez o enorme oponente. Dessa vez, Charles ajuda a organizar o ataque mantendo o Homem de Gelo para a ofensiva final, visto que o enorme ser temia justamente ser congelado novamente. O ataque faz com que Frankenstein se sobrecarregue e exploda, acabando com o perigo.



Xavier ainda teve tempo de ler a mente do andróide e conta que, na verdade, ele fora criado por alienígenas como um embaixador para comunicações com os terráqueos. Como não funcionou direito, acabou ficando esquecido no gelo do ártico, e atacou os X-Men por causa do colorido em suas roupas, bastante semelhante aos trajes de seus criadores.



A Marvel usaria diversas versões do Frankenstein no futuro, incluindo uma revista com ele no título. Mas essa versão robô não sobreviveu ao teste.



Além do plot estranho, quem chama a atenção é Jean Grey e suas atitudes estranhas em conjunto com o Professor Xavier. Primeiro ela menciona que trabalhava em um projeto confidencial...



... e depois nocauteia um guarda do museu que não os deixa entrar, usando seus poderes telecinéticos. Se todos teriam suas memórias apagadas pelo Professor X, precisava jogar o cara na parede?



http://marvel.wikia.com/X-Men_Vol_1_40



Publicada no Brasil
Sem Informação


0 comentários :

Postar um comentário

Os comentários são moderados.