sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Daredevil Vol 1 30 a 32 - Julho a Setembro/1967


EDIÇÃO ANTERIORARCO / ANOPRÓXIMA EDIÇÃO
03 - SILVER AGE / 1967Marvel Super Heroes 14

Por mais que eu me esforce não consigo gostar das histórias dessas edições do Demolidor de 1967. Os absurdos são tão grandes que não faz o menor sentido sequer aceitar o enredo. E não é por falta de oportunidade... O homem sem medo consegue uma dupla de vilões muito mais interessantes como antagonistas, mas até esses personagens entram no clima e estragam a aventura.




Matt Murdock resolve estudar um pouco mais sobre outros vilões que incomodam Nova Iorque e se depara com uma nova onda de crimes tocada pela dupla Mr. Hyde e Cobra. Matt descobre que a dupla era inimiga de Thor e resolve usar a imagem do deus nórdico para chamar a atenção dos dois e tentar prendê-los.



Matt consegue achar a melhor fantasia do mundo jamais feita (considerando ainda que isso se passa nos anos 60) e veste o traje que contém inclusive a máscara mais realista do mundo e pedaços sintéticos de pele nos braços. De acordo com os editores, a única coisa que permitia identificar o falso Thor era que o verdadeiro era canhoto!



Aí você leitor da Cronologia Lógica Marvel pergunta: "como assim, pele nos braços"? Mas é isso mesmo que está nas páginas da revista. Para piorar, Matt decide contar à Foggy e à Karen que estava fazendo aquela insanidade, mas ele precisava aparecer como se fosse seu irmão gêmeo, afinal os dois colegas do advogado acreditavam que Myke Murdock era o Demolidor, então Matt coloca o óculos escuros de Myke por baixo da roupa de Demolidor, e por baixo da fantasia do Thor! PQP!!!!!!! Que fantasias são essas?



Bom... Vamos andando... Acontece que o Dr Donald Blake ouve que o Thor estava na cidade e decide tirar satisfações com o farsante. O verdadeiro Thor encontra o fantasiado Demolidor e logo acaba com aquela palhaçada inverossímil atacando o herói cego. O Demolidor explica tudo e Thor tem a melhor frase da aventura: "Suas palavras tem tom de loucura!"



Thor abandona aquela palhaçada, deixando o Demolidor caçar a dupla de vilões. Só que Hyde e Cobra estavam assistindo tudo e rapidamente atacam o Demolidor, surpreendendo-o. A pancadaria recomeça e Hyde joga uma solução química no herói, preparada para cegar quem fosse atingido por ela.



Da última vez que o Demolidor foi atacado com algo que pretendia cegá-lo, ele se deu bem, afinal ele já é cego! Mas dessa vez, a solução química faz com que ele perca também seus super sentidos e ele passa a ser um cego comum.



Mr Hyde e Cobra fogem com a chegada da polícia e o Demolidor se arrasta até sua casa. Dessa vez ele teria que contar à Foggy e Karen que Myke estava cego e ele inventa a desculpa que era algo genético. Karen fica chateada, não por ele estar cego, mas porque ele não poderia ver o novo penteado dela, que demorou tanto tempo para ficar pronto. Mais um "momento mulheres fúteis dos anos 60"!



Mas Cobra e Hyde continuam a atacar e Matt (Myke... sei lá como chamá-lo nessa alturas do campeonato!) pede que Foggy o ajude a enganar a dupla de vilões para que eles acreditem que o herói não ficou cego. Foggy protesta, mas graças às habilidades do protagonista, ele até consegue fazer algumas acrobacias pendurado nos prédios.



O Demolidor é levado por Foggy de volta para casa, achando que os dois inimigos haviam fugido, mas Cobra nocauteia Foggy e prende o herói que estava verdadeiramente cego e indefeso.



Cobra e Hyde levam o herói para um esconderijo em uma ilha perto da costa e, mesmo com os protestos do Cobra que queria acabar logo com o Demolidor, Hyde segue seus princípios sem sentido de querer deixar as coisas para depois e aproveitar o momento, desejando matar seu oponente com requintes de crueldade.




Como a dupla de vilões vive brigando, eles discutem mais uma vez e o Demolidor se esconde em uma sala e apaga todas as luzes, desligando o gerador do local. Hyde diz que precisava esconder o antídoto para a solução química que deixou o Demolidor cego e o herói passa a perseguí-lo no escuro, agora com todo mundo sem enxergar nada.



Hyde acaba pegando o Demolidor, mas o herói engana o Cobra e faz com que ele atinja Hyde por engano. Com o antídoto em mãos, o Demolidor recupera seus super sentidos e usa a vantagem da escuridão para surrar seus inimigos. Mr Hyde consegue fugir mas o Cobra acaba preso.






A insanidade das histórias do Demolidor começa a beirar o intolerável. Esse papo de identidade falsa, máscaras, fantasias, personalidades diferentes... Quero muito crer que isso era algo pensado, para tornar Matt Murdock um personagem mais perturbado no futuro. Haja paciência para chegar até esse futuro!



http://marvel.wikia.com/Daredevil_Vol_1_30
http://marvel.wikia.com/Daredevil_Vol_1_31
http://marvel.wikia.com/Daredevil_Vol_1_32



Publicada no Brasil
O Demolidor 29



0 comentários :

Postar um comentário

Os comentários são moderados.