sábado, 14 de janeiro de 2012

Journey into Mystery Vol 1 90 - Março/1963


Edição Anterior
Arco / Ano
Próxima Edição
Fantastic Four 1203 - Silver Age / 1963Incredible Hulk 6

Thor enfrentando alienígenas é mais interessante do que suas aventuras contra meros mortais. Dessa vez, uma raça de "copiadores" planejam invadir a Terra se transmutando e tomando o lugar dos humanos para causar caos e enfraquecer a população terrestre.


A história demora um pouco para começar, mostrando novamente os dilemas do Dr Blake com sua vida amorosa e a bela Jane Foster. Mas logo depois Blake vê uma serie de coisas sem sentido e desconfia que alguém esta tomando o lugar dos humanos.


O grande vacilo acontece quando, sem nenhum motivo, Thor larga o martelo Mjolnir e, atraído pelo magnetismo da nave alienígena, não consegue alcançar novamente sua arma e volta à forma do medico. Por que Thor largou o seu martelo? Estaria ele muito pesado? Blake, mesmo com sua frágil aparência, consegue enganar os extraterrestre e se transforma novamente em Thor sem ninguém ver, enfrentando o líder Ugarth.


A história tem pontos interessantes, principalmente quando descobrimos que Ugarth tem o poder da invisibilidade. Thor usa seus poderes para criar uma tempestade e descobrir onde o inimigo se esconde e despacha ele da Terra. Mas a estratégia desse povo de primeiro causar confusão e depois invadir a Terra beira o ridículo. A quantidade de naves aguardando a ordem de invadir é imensa! Para que tirar uma onda com o povo antes?

Na minha opinião ficou faltando algo. O final, com os seres que ficaram na Terra se transmutando em árvores, e deixando de pensar, foi uma solução meio banal. Lembrou um pouco o final da história do Quarteto Fantástico contra os Skrulls, quando alguns seres ficam na Terra na forma de vacas. Portanto, ao que parece, "Eles Estão Entre Nós!"

http://marvel.wikia.com/Journey_Into_Mystery_90

Publicada no Brasil
Biblioteca Histórica Marvel - O Poderoso Thor Vol 1

Cronologia Thor

Review em vídeo


0 comentários :

Postar um comentário

Os comentários são moderados.