domingo, 11 de dezembro de 2011

Amazing Fantasy Vol 1 15 - Agosto/1962


Edição Anterior
Arco / Ano
Próxima Edição
Strange Tales 10103 - Silver Age / 1962Tales to Astonish 36

E finalmente chega a hora de incluir um dos mais famosos heróis da história. O Homem Aranha teve sua origem contada no último número da revista Amazing Fantasy. Ou seja, já chegou acabando com tudo. A revista, que trazia histórias curtas, com no máximo 6 ou 7 páginas, trouxe mais de 10 para a premiere do aranha.



A origem é clássica e todos conhecem. Peter Parker é um jovem rapaz estudioso e tímido do ensino médio, que morava com seu tio Ben e sua tia May, e sofre com as provocações de seus colegas de classe por ser um grande CDF e não ter o menor jeito com as garotas.


Após tomar mais um fora de suas colegas de classe, Peter vai à uma feira de ciências e assiste a um experimento radioativo que mudaria sua vida para sempre. Uma aranha radioativa, uma picada, e o jovem nerd começa a escalar paredes e ter uma força sobre-humana.



Como todo jovem despreparado para a vida, Peter fica deslumbrado com seus poderes e decide arrumar um jeito de ganhar dinheiro com isso para ajudar seus pobres tios. Ele decide se inscrever em um torneio de luta livre que pagava um prêmio à quem conseguisse vencer a luta e ele usa suas novas habilidades para derrotar o oponente.



Usando seus conhecimentos científicos, Peter desenvolve um uniforme que permite que ele lance teias de resina e passa a adotar a alcunha de Homem Aranha.



Mas Peter passou por um fio na prova de boa personalidade. Por um fio, não... Foi bem pior que isso! Um dia, quando estava saindo de uma apresentação, Peter vê um ladrão fugindo e nem toma conhecimento, permitindo que o bandido entrasse no elevador, deixando o policial para fora. Mesmo após tomar um esculacho do policial, Peter não se preocupa e diz que "estava cansado de se preocupar com todo mundo".



Quis o destino que, alguns dias depois, ele fosse surpreendido ao chegar na casa de seus tios e encontrasse um carro da polícia. Seu tio Ben havia sido assassinado, baleado por um ladrão.



Desesperado, ele ouve que o ladrão estava encurralado nas docas e decide fazer justiça com as próprias mãos. Mas ao chegar ao local, ele descobre que o ladrão é o mesmo sujeito que ele havia permitido fugir, dias atrás! O ladrão é entregue à polícia e o caso foi fechado, mas as marcas deixadas em Peter Parker durariam o resto de sua vida.



Com Peter Parker, vemos finalmente um desconhecido e não admirado jovem adquirir poderes e se tornar super-herói. Antes, apenas cientistas conseguiam tais proezas. Mesmo Donald Blake, alter-ego de Thor, possuía seus admiradores. Já Peter Parker só é admirado pela Tia May e pelo Tio Ben.



Ao se deparar com a nova realidade, Peter enfrenta também o dilema "grandes poderes trazem grandes responsabilidades", frase que fecha a história dessa edição. Se ele tivesse agido quando necessário, seu tio não seria assassinado pelo ladrão (nunca se soube o nome dele nas histórias das revistas Marvel). Esse é o pensamento que inferniza Peter Parker e vai direcionar muitas de suas decisões no futuro.



O Homem Aranha era uma idéia de herói adorada por Stan Lee. Ele se preocupou tanto com o lançamento desse ícone da Marvel que, na última hora, trocou a capa da revista para fazer com que o aracnídeo parecesse mais franzino, como um nerd costuma ser. Steve Ditko ganhou a tarefa de dar cara ao herói.



Muito tempo depois a Marvel continua explorando e recontando sua origem, incluindo novos elementos quando possível. Mas poucos tiveram muita aceitação pelo público. O Homem Aranha voltaria a aparecer novamente já em sua própria revista - Amazing Spider-Man. Estava aberta a era do aranha.



http://marvel.wikia.com/Amazing_Fantasy_Vol_1_15

* Na verdade a revista Amazing Fantasy teve mais 3 edições muito tempo depois, em 1995, com mais algumas histórias do Homem Aranha. Mas na década de 60, ela foi cancelada, substituída pela revista Amazing Spider-Man.

Publicada no Brasil
Biblioteca Histórica Marvel - Homem Aranha Vol 1
A Coleção Oficial de Graphic Novels Marvel - Clássicos n° 1




Review em vídeo






3 comentários :

  1. Acabei de baixar Marvel MYTHOS: HOMEM-ARANHA de Paul Jenkins e Paolo Rivera ela tem a origem do Aranha com muitos detalhes novos, aparentemente a primeira vista numa leitura apressada sem contradizer nada na original de Lee e Dikto.

    ResponderExcluir
  2. Acho a revista que citei encaixando muito bem com a Homem-Aranha Ano 1 (a tal da Amazing Fantasy 16), até por causa do estilo do traço ....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Saga.
      Eu não conheço a coleção Mythos, mas sei que são novas versões das origens clássicas dos heróis da Marvel. Mas tem cara de ser ótima! Vou ver se encontro pra ler... Valeu pela dica!

      Excluir

Os comentários são moderados.